Nova Zelândia e o exemplo na erradicação da Covid-19

Nova Zelândia declara vitória na batalha contra o coronavírus e se torna exemplo no enfrentamento à pandemia

Por Flávia Cé*

Crédito: Hagen Hopkins

Jacinda Ardern, primeira-ministra neozelandesa, anunciou no dia 27 de abril que o país havia vencido a batalha contra a Covid-19, ao não registrar mais casos de contágios locais após cinco semanas de restrições consideradas, por muitos, radicais.

O número de casos de infecção no país do Pacífico sul não foi muito diferente de outros ao redor do mundo. Contudo, houve uma recente desaceleração no aparecimento de novos casos, atribuída às decisões de Ardern.

Dentre as medidas adotadas pelo país, estão o fechamento de fronteiras com isolamento efetivo dos passageiros aéreos, a detecção rápida por testes generalizados, o comprometimento com a transparência em relação aos números, a intensa promoção de higiene e o rígido cumprimento do isolamento social durante as cinco semanas propostas. Também foi diferencial a adoção destas medidas desde o início dos casos, uma vez que, segundo a ministra, não se buscava “achatar a curva”, mas eliminá-la na medida do possível.

A geografia da Nova Zelândia é considerada um dos fatores que contribuíram para o aparente sucesso. Sendo composta por duas ilhas principais, o controle de fronteiras já era considerado bom antes da pandemia. Além disso, o país conta com extensão territorial menor que a de estados como o do Rio Grande do Sul, e com uma população de 4,8 milhões de habitantes, o que permite um maior controle por parte das autoridades.  

Na terça-feira, 28 de abril, atividades econômicas não essenciais de negócios, saúde e educação começaram a ser retomadas. Porém, a maior parte da população permanece em casa e continua a evitar todo contato social que ofereça risco de contaminação. De acordo com a chefe de governo, a economia será retomada, mas os cuidados continuarão. Uma semana após o pronunciamento, no dia 04 de maio, a Nova Zelândia anunciou as primeiras 24h sem registros de novos casos desde 16 de março.

Ardern reiterou que não existe nenhuma certeza sobre o momento em que o risco de contaminação desaparecerá por completo. Além disso, as autoridades alertam que a reabertura não significa o fim de novos casos de coronavírus. No entanto, saberão de onde os casos estão vindo e estes poderão ser contidos.

* Aluna do primeiro ano diurno do curso de Relações Internacionais na Universidade Positivo (2020).

Referências

BBC News | Brasil. Coronavírus: como o governo da Nova Zelândia eliminou os casos de infecção no país. Disponível em: https://www.bbc.com/portuguese/internacional-52449017

BBC News | Brasil. Eliminar e não achatar a curva: Nova Zelândia tem resultados com estratégia mais agressiva contra o coronavírus. Disponível em: https://www.bbc.com/portuguese/internacional-52258490

Exame. A Nova Zelândia venceu o coronavírus — e tem 3 lições para o Brasil. Disponível em: https://exame.abril.com.br/mundo/a-nova-zelandia-venceu-o-coronavirus-e-tem-3-licoes-para-o-brasil-2/

G1. Nova Zelândia venceu uma batalha contra o coronavírus, afirma primeira-ministra. Disponível em: https://g1.globo.com/mundo/noticia/2020/04/27/nova-zelandia-venceu-uma-batalha-contra-o-coronavirus-afirma-primeira-ministra.ghtml

National Geographic. O que a Nova Zelândia fez para ‘efetivamente eliminar’ o coronavírus. Disponível em: https://www.nationalgeographicbrasil.com/ciencia/2020/05/o-que-a-nova-zelandia-fez-para-efetivamente-eliminar-o-coronavirus

O Globo. Pela primeira vez desde março, Nova Zelândia passa um dia sem novos casos de coronavírus. Disponível em: https://oglobo.globo.com/mundo/pela-primeira-vez-desde-marco-nova-zelandia-passa-um-dia-sem-novos-casos-de-coronavirus-1-24409824

#Covid19 #PolíticaInternacional